as-warm-as-choco:

Tekkon Kinkreet (鉄コン筋クリート) Background Art by Shinji Kimura 

Art Director : Blue Exorcist (movie), Tekkonkinkreet, SteamboyBackground Art : My Neighbor Totoro, AKIRA, Urusei Yatsura 


as-warm-as-choco:

Tekkon Kinkreet (鉄コン筋クリート) Background Art by Shinji Kimura 

Art Director : Blue Exorcist (movie), Tekkonkinkreet, SteamboyBackground Art : My Neighbor Totoro, AKIRA, Urusei Yatsura 


as-warm-as-choco:

Tekkon Kinkreet (鉄コン筋クリート) Background Art by Shinji Kimura 

Art Director : Blue Exorcist (movie), Tekkonkinkreet, SteamboyBackground Art : My Neighbor Totoro, AKIRA, Urusei Yatsura 


as-warm-as-choco:

Tekkon Kinkreet (鉄コン筋クリート) Background Art by Shinji Kimura 

Art Director : Blue Exorcist (movie), Tekkonkinkreet, SteamboyBackground Art : My Neighbor Totoro, AKIRA, Urusei Yatsura 


as-warm-as-choco:

Tekkon Kinkreet (鉄コン筋クリート) Background Art by Shinji Kimura 

Art Director : Blue Exorcist (movie), Tekkonkinkreet, SteamboyBackground Art : My Neighbor Totoro, AKIRA, Urusei Yatsura 


as-warm-as-choco:

Tekkon Kinkreet (鉄コン筋クリート) Background Art by Shinji Kimura 

Art Director : Blue Exorcist (movie), Tekkonkinkreet, SteamboyBackground Art : My Neighbor Totoro, AKIRA, Urusei Yatsura

as-warm-as-choco:

Tekkon Kinkreet (鉄コン筋クリート) Background Art by Shinji Kimura

Art Director : Blue Exorcist (movie), Tekkonkinkreet, Steamboy
Background Art : My Neighbor Totoro, AKIRA, Urusei Yatsura

awe-inspiring-randomness:

(To postando aqui porque o link original, http://oesquema.com.br/olhometro/2013/06/13/nao-e-sobre-20-centavos-estupido/, está fora do ar.)
Texto por Ana Freitas (no caso, sou eu, dona desse tumblr aqui tbm)

Ontem eu acordei e, como faço todos os dias quando começo a trabalhar, abri…

Vamos testr agora o tmblr para android. Depois de altas desventuras nos últimos tempos, estou começando a ajeitar minha vidinha medíocre. Posso dizer agora que estou em manaus há mais de um ano… E também adiquiri essa tal de independencia.

Meu problemas interperssoais continuam, sendo que de forma amena. Sobrevivo ao inferno graaças aos meus amigos normais que tendem a serem mais loucos que eu. E finalmente voltei a cantar numa banda, uma parada mais rock clássico.

"Shigeki no kyojin é foda. Obrigado."
— JÚNIOR, Rilton.

Este texto foi totalmente criado fora de preconceitos babacas com a série onde uma grande gama de pessoas não conhecem ou falam sem fatos. Não sou fã, mas também não odeio a série “Crepúsculo”, na maioria das vezes assisti os filmes obrigado, mas existem ótimos pontos interessantes na série que citarei abaixo.

Twilight é um filme americano de 2008, dirigido por Catherine Hardwicke, adaptado do primeiro livro da série homônima de Stephenie Meyer por Melissa Rosenberg. O filme estrela Kristen Stewart como Isabella Swan, uma garota que se apaixona por Edward Cullen, um vampiro interpretado por Robert Pattinson.

Amanhecer - Parte 2 é a continuação e fim do filme Amanhecer (2011) da mesma série de livros. Começo contado-lhes que  a história em si é pífia, a maioria das motivações dos personagens são induzidas pelo roteirista ao “Amor a Família”, o que já é um clichê. Ele é um clichê puro, simplista e extremamente bem adaptado.

Fui receoso assistir o filme, pois nos 3 últimos da série fui na semana de estréia e me arrependi, já que a quantidade de pessoas histéricas e mimadas na sala do cinema me deixava extremamente irritado, principalmente em cenas fortes, onde o sentimento passado na tela, chegava aos fãs e fazia-os gritar, em cenas onde o personagem “Jacob” tirava a roupa e os gritos, para quem quer assistir o filme é um saco! Novamente me encontrei com fãs fervorosos, mas sendo sincero, mas a quantidade desta vez foi bem pequena, logo, não destruiu a minha experiência.

Tenho dois pontos positivos pra tratar do filme, uma cena de ação que é um total clímax do filme, preciso dizer que me deixou mais intrigado do que a segunda parte do Harry Potter e as Relíquias da Morte, um filme que adorei, mas a medida entre ação e o suspense dela, mostrou que o diretor David Yates e sua equipe precisam aprender um pouco mais sobre tal dosagem. O Segundo ponto é o fato de como o vilão deste filme foi bem aproveitado, dando até aquele sentimento de você (espectador) querer matá-lo, a dosagem das ações e sua história, ficaram tão equilibrados que ele merece um 9.9, só pelo vilão.

O Ator Michael Sheen foi de longe um dos melhores atores da série até agora, lembrando que a série revelou inúmeros ótimos atores, até o próprio Robert Pattinson que quando bem dirigido pode fazer um bom trabalho, Água para Elefantes é um ótimo exemplo. A Kristen Stewart, é boa atriz para personagens não muito afetivos ou emocionais, desempenhou bem o seu papel em toda a série, meu filme favorito dela é o The Runaways. Acho que os dois precisam urgentemente ir num curso de teatro e trabalharem um pouco mais suas emoções além de caras e bocas.

Voltando ao vilão, parabéns ao Michael Sheen pelo seu trabalho magnifico onde conseguiu deixar péssimos sentimentos no coração do espectador, a verdade é que comparando-o com o vilão Silva de 007: Operação Skyfall interpretado por Javier Bardem, um dos meus atores favoritos e preciso dizer que esse cara é FODA! O único problema é que o background do personagem dele na história não foi bem explorado, descuido da equipe do último 007. Só queria deixar isso de observação.

Mais um ciclo se fecha e agora para cama irei, pois amanhã, trabalharei.

"

In honor of the death of Bohemia
An impromptu salon will commence immediately following dinner
Maureen Johnson, just back from her spectacular one-night engagement
At The Eleventh Street Lot
Will perform Native American tribal chants, backwards
Through her vocoder, while accompanying herself on the electric cello
Which she ain’t never studied

And Mark Cohen will preview his new documentary
About his inability to hold an erection on the high holy days

"

RENT - La Vie Boheme

Existe uma teoria que diz que, se um dia alguém descobrir exatamente para que serve o Universo e porque ele está aqui, ele desaparecerá instantaneamente e será substituído por algo ainda mais estranho e inexplicável.

***

Existe uma segunda teoria que diz que isso já aconteceu.

Estamos atualmente na época áurea da tecnologia e o declínio do amor e da amizade. Onde uma boa roda com os amigos não existe sem que vejamos nossos smartphones de 10 em 10 minutos. Gostaria muito de ter nascido em 60/70, ter visto as bandas que mais curto começarem e ter nascido no palco do mundo: Estados Unidos da América. Pode parecer pretensioso da minha parte, mas me cansa ter nascido em um local onde não reconheço o tal patriotismo. Meu amor não é por uma raça, muito menos por um território em si, meu amor é pela a cultura de um local. Amo minha cidade natal “Recife” por me enriquecer culturalmente, até mesmo meu país por isso, mas tenho uma certa vergonha de uma parte da minha cultura do meu país.

Área de Trabalho - 29/07/2012